9.7.18

Índice anotado: Nuno Júdice


Quando se confia demasiado na ideia de poesia, acabamos por não reparar
que ela há muito nos traiu. Que há muito que nós a traímos.